Google+ Badge

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

BOA PARA BEBER

  EXISTEM BASICAMENTE TRÊS TIPOS DE ÁGUA COMERCIALIZADOS E QUE PODEMOS CONSUMIR: A MINERAL, QUE É SUBTERRÂNEA; A PURIFICADA DE SAIS, FAMOSA ÁGUA DA TORNEIRA, QUE É TRATADA ARTIFICIALMENTE, NÃO SENDO NECESSARIAMENTE DE ORIGEM SUBTERRÂNEA; E ANATURAL , QUE É CAPTADA DA MESMA FORMA QUE A MINERAL, MAS QUE NÃO POSSUI SUAS PROPRIEDADES. " A DIFERENÇA ENTRE A ÁGUA MINERAL E A NATURAL É QUE A PRIMEIRA TEM CERTOS ELEMENTOS, TEORES DE SAIS MINERAIS, QUE LHE DÃO UM QUALIDADE TERAPÊUTICA E MEDICAMENTOSA, O QUE NÃO OCORRE COM AS ÁGUAS COMUNS. É A DIFERENÇA ENTRE Á ÁGUA MINERAL E A DA TORNEIRA É QUE A ULTIMA NÃO TEM FUNÇÃO TERAPÊUTICA ESPECÍFICA, PORÉM POSSUI OS MESMOS ELETRÓLITOS COMO O SÓDIO, CÁLCIO E POTÁSSIO", DEFINE PORTIERI. A AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA (ANVISA) TEM REGRAS DEFINIDAS PARA O TRANSPORTE E O COMÉRCIO DE ÁGUA. OS VEÍCULOS DEVEM ESTAR LIMPOS E COBERTOS PARA EVITAR A LUZ OU A UMIDADE DA CHUVA. OS LOCAIS DE ARMAZENAMENTO E COMÉRCIO TAMBÉM DEVEM ESTAR LIMPOS, SECOS E VENTILADOS, COM TEMPERATURA ADEQUADA E PROTEGIDOS DA INCIDÊNCIA DA LUZ, PRINCIPALMENTE SOLAR. PORTIERE EXPLICA QUE "A LUZ SOLAR CONTRIBUI PARA A EXCESSIVA PROLIFERAÇÃO DE ALGAS NA ÁGUA. EM EXCESSO, ESSE ORGANISMO PODEM ALTERAR A COR E O GOSTO DO L´QUIDO E ATÉ MESMO CAUSAR PROBLEMAS DE SAÚDE COMO MAL-ESTAR, FEBRE, VÔMITOS E DIARREIAS".

Um comentário:

Fauna e flora- e outros disse...

FONTE: VIVASAÚDE- EDITORA ESCALA

Postar um comentário